terça-feira, 2 de abril de 2013

Dia Internacional do Livro Infantil




Em homenagem ao nascimento de Hans Christian Andersen, no dia 2 de Abril em 1805, foi escolhido o dia Internacional do livro infantil. O escritor de origem dinamarquês é considerado o primeiro autor a romancear as fábulas, especialmente para crianças. Tal como as histórias antigas, ele também se preocupava com a transmissão a novas gerações, de moral e valores, pondo em evidência a disputa entre poderosos e figuras mais fracas. As suas obras passaram fronteiras, são intemporais e estima-se que tenha escrito mais de 150 histórias, entre elas O Patinho FeioA Pequena SereiaA Roupa Nova do Rei e A Polegarzinha.

Em Portugal a escritora Sara Rodrigues tem feito um trabalho notável na produção de literatura infantil de destacar as três obras acima indicadas. 
Colecção iniciada em 2007, que reúne adaptações livres dos clássicos da literatura portuguesa para os leitores mais atentos e mais pequenos (a partir dos 8 anos).
É a uma primeira abordagem aos clássicos portugueses, que posteriormente vieram a fazer parte do conteúdo programático escolar.
O que se espera destas obras é que promovam a leitura e de uma forma diferente ensinem, brincando. 

Sem comentários:

Enviar um comentário